Policia Civil de Minas prende falsos despachantes por estelionato

Foto: Divulgacao PCMG

Foto: Divulgacao PCMG

A Pol√≠cia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu em flagrante, nessa segunda-feira (12), pelo crime de estelionato, um homem, de 26 anos, e uma mulher, de 25 anos, após abordarem uma cidad√£ nas imedia√ß√Ķes da Divis√£o de Registro de Ve√≠culos (DRV), no bairro Gameleira, regi√£o Oeste de Belo Horizonte, quando pretendia transferir a propriedade do ve√≠culo dela.

A pris√£o ocorreu após os suspeitos anunciarem à v√≠tima que a pel√≠cula dos vidros do automóvel estava irregular, porém, mediante o pagamento de propina, o ve√≠culo seria aprovado. Os suspeitos foram encaminhados à Delegacia de Plant√£o, no Barreiro. J√° o carro da v√≠tima foi vistoriado normalmente, sendo aprovado e transferido imediatamente, sem apresentar qualquer irregularidade.

As a√ß√Ķes policiais na regi√£o da DRV s√£o cont√≠nuas e t√™m como objetivo coibir a atividade ilegal daqueles que se intitulam despachantes documentalistas, oferecendo servi√ßos prestados pela Divis√£o, como a comercializa√ß√£o do agendamento, realizado gratuitamente por meio do site do Departamento de Tr√Ęnsito de Minas Gerais (Detran-MG), além de vistoria veicular, transfer√™ncia de propriedade de ve√≠culos, altera√ß√£o de dados e venda de placas veiculares.

De acordo com o chefe da Divis√£o de Registro, delegado Matheus Cobucci, as den√ļncias da popula√ß√£o, combinadas com as a√ß√Ķes de fiscaliza√ß√£o da PCMG, trazem seguran√ßa e transpar√™ncia aos servi√ßos ofertados pelo Detran-MG.

foto - Divulgação/PCMG